domingo, 2 de agosto de 2009

Fucinho de porco não é tomada: Retorno às Aulas em tempos de Influenza A

Amanhã, muitos professores, alunos, pais de alunos ou seus responsáveis retomam o rumo da escola, para mais um semestre letivo deste ano da graça da Virgem de Nazaré de 2009. Chegamos ao final das férias de meio do ano, as mais longas e por isso mesmo mais aguardadas por todos.
Neste ano, entretanto, há uma novidade que pode prolongar essas férias por mais uma semana, em alguns estados e nalgumas escolas: a famigerada "Gripe Suína" ou, como ordena a Organização Mundial da Saúde-OMS, a Influenza A H1N1.
São 4 estados (Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, R. G. do Sul) e mais o Distrito Federal onde escolas municipais, estaduais e particulares prorrogaram as férias por mais uma semana, por conta da gripe. Aqui em Belém uma amiga já disse que a filha só irá para escola na próxima segunda, dia 10. Outra, cujos filhos estudam no colégio Marista N.S. de Nazaré, está preocupada porque muitos estudantes do Nazaré costumam passas suas férias fora do país, embora o Nazaré tenha divulgado que as aulas retornarão no dia 10/07.
As férias foram prorrogadas para que as crianças, na possibilidade de terem se contaminado, tenham tempo de apresentar os sintomas antes de retornar à escola. A medida é uma forma de impedir o alastramento do vírus, mas será que adiar o retorno das aulas adianta?
Fui apanhar meu filho no aeroporto, na madrugada deste sábado, e tinha um jovem casal com máscaras cirúrgicas andando pelo saguão. Com certeza acham que alguém pode ter desembarcado ali contaminado, dado uma tussidinha, umas espirradinhas... Achei-os meio noiados. Sendo assim, como estaríamos eu, minha mulher e minha caçula, que passamos por 4 aeroportos e duas rodoviárias nestas férias?
Certo! Todo cuidado é pouco. Mas supondo que alguém, retornado das férias nesta semana, estivesse com o vírus da gripe (mas ainda não apresentou os sintomas) e, inocentemente, tenha aproveitado para ir ao cinema do "Shopis", ou ido à missa deste domingo. Acaso já não fez um belo estrago? E será que não foi exatamente durante aquele filme récem lançado que você assistiu, ou na missa que acabou de participar? :)
Ah! Não sei se é por acaso que o remédio Tamiflu é a única opção para tratar essa doença... Quanto não deve ter faturado seu fabricante, hem?
Sei não! Do jeito que a mídia está tratando o assunto acho que estão assustando mais a população do que informando ou preparando-a para o enfrentamento de uma possível epidemia (ou pandemia, como querem os mais pessimistas). E, como sempre, há alguém ganhando uma fortuna com o medo alheio.

6 comentários:

Dani Benaion disse...

Franz meu querido, adorei o post, mas só fazendo uma observação. No Marista, as aulas para os alunos voltam dia 06 :)
Bjãooooooooooooo

Tati Martins disse...

Olá, Franz!
Onde trabalho as aulas começaram na semana passada e vão ser suspensas a pedido da secretaria de saúde a partir de amanhã.
Hj estou de cama e de quarentena, gripadíssima. Fiquei ontem 4h em um hospital, passando de um médico para outro, fazendo vários exames. Não puderam afirmar que é a gripe suína, mas também não puderam descartar essa possibilidade. Resultado: "meia-quarentena" sem trabalhar, sem sair, sem manter contato com outras pessoas por 48h inicialmente.
Na verdade, a gripe já chegou. Ela está em todos os lugares. A ideia de fechar os colégios só é boa se houver uma real conscientização de que é para as pessoas ficarem em suas casas. Estamos no inverno e essa é a época mais própícia para alastrar ainda mais o vírus.
Acredito que se houver uma prática educativa, poderemos até tirar proveito dessa situação para outras que poderão vir no futuro. Nós, brasileiros, não estamos acostumados a situações desse tipo, com restrições comunitárias. Isso gera aprendizagem e solidariedade. Não são suas coisas importantes a serem trabalhadas?
Um beijinho,
Tati

Isabel disse...

Olá! Aqui no sul as férias foram prorrogadas.Estamos com inverno rigoroso. A gripe avança e toda cautela e proteção são necessárias.
Muitas medidas foram adotadas pela Secretaria da Saúde, mas cada dia que passa um novo caso.
A vida está mudando e nossos hábitos também. Temos que nos adaptar às adversidades, sejam passageiros ou não.
Abraços!

Prof. Adinalzir disse...

É, Franz

Não deixa de ser mais um tempinho para todos descansarem, alunos e professores. Esperando que a gripe suína se dilua no tempo e no espaço.

Algo me diz que essa gripe tem a ver com o capitalismo selvagem. Fico sempre desconfiado. Quem sabe não pode ser um golpe partindo dos EUA, junto com outros países ricos. Incluindo aí os grandes laboratórios fabricantes de remédios (Tamiflu) e máscaras? Além do mais, a economia norte-americana vem tentando se recuperar de uma crise. E olha que dizem que a guerra do futuro poderá ser bacteriológica e tecnológica. Será? Quem sabe? Rsss...

Abraços!

Aqui deste Rio de Janeiro, também amendrontado pela gripe suina.

Poli disse...

Bom dia... É realmente pra se parar e pensar com relação a "esticada" nas férias escolares para a prevenção de transmissão do virus. O que aconteceu na escola onde eu trabalho é que as aulas retornarão dia 10/08 e todos os pais estão preocupados por acharem que na verdade o virus só não se espalhou mais e é mais preocupante pois estamos todos de férias! Apesar do desespero com relação a voltar pra escola pais continuam levando seus filhos a cinemas, shoppings, e lugares fechados onde possam "relaxar", pois não vão deixar as crianças trancadas em casa, sema menor preocupação!!! Franz, né? Pode chamar assim??? Obrigada por ter entrado em contato comigo achei enriquecedor conhecer seu blog, pena que não sei mexer direito hehehe, tenho um pouco de dificuldade ainda pra mexer no meu, mais to adorando entrar no mundo tecnológico e aprender com ele ;)

Poli disse...

Recebi um vídeo com um médico explicando outra versão pra o início da H1n1 QUE SERIA INTERESSANTE QUE ASSISTISSEM ANTES QUE TIRASSEM DO AR NO YOUTUBE http://www.youtube.com/watch?v=0K2LdGUca9w Fala justamente do interesse financeiro por tras do virus isso sem contar na palhaçada que suspostamente aconteceu aqui no Brasil neh, de alguns funcionários do ministério da saúde que estariam vendendo o remédio pela internet pra algumas pessoas desesperadas e sem informação fazendo com que nos hospitais não houvesse o núm. suficiente para atender pacientes como um sr. que faleceu sem ter tomado a medicação e alegaram que não foi dada pois não foi necessário e que ele tinha um aagravante que era a pressão alta... As vezes a gente fica até sem saber o que pensar viu!!!

No TOP BLOG 2011 ficamos entre os 100 melhores da categoria. Pode ser pouco para uns, mas para mim é motivo de orgulho e satisfação.
Sou muito grato a todos que passaram por essa rua que é meu blog e deram seu voto. Cord ad Cord Loquir Tum