quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

CENAS DE BELEM 6

Nesta popstagem* venho retomar a minha proposta de apresentar a cada mês algumas "cenas de Belém", que esteve parada há dois meses.


Durante o mês de outubro Belém é palco de um espetáculo que surpreende o turista incidental e mesmo o turista contumaz. Falo do Círio de Nazaré, que começa oficialmente com a procissão da Trasladação, na noite que antecede a romaria, ou seja, na noite do segundo sábado de outubro. 

Apesar de acontecer durante a noite, essa procissão reúne centenas de milhares de pessoas, que se esfalfam puxando a corda que protege o andor com a berlinda (na foto a berlinda iluminada) , onde vai soberana a imagem da homenageada, N.S. de Nazaré. 

Outra cena comum em Belém surge a partir do mes de dezembro. É quando as centenas de mangueiras estão carregadas. Aí acontece algo só visto aqui: alguém ser atingido na cabeça por uma manga. Também é frequente que  parabrisas de carros quebrados e latarias sejam amassadas pelas mangas. Comigo já aconteceu de levar uma "mangada" no ombro e ter o carro atingido em dois lugares, no capô e no teto. Aliás, voce sabe que aqui é o único local do mundo que carro tem seguro contra manga? Pois é!!

Outra cena frequente nessa época do ano são os catadores de manga. Um sobe na árvore e joga as frutas ainda verdes ou "de vez" para o que fica embaixo. Este, com um saco de aniagem enfiado nos braços, apara a manga e coloca no carrinho. Depois sai à vendê-las. Uhh! Manga recém tirada do pé, com aquele cheirinho de resina... Uma delícia!


* *Escrevi popstagem (acima) por um erro de digitação, mas ao perceber o erro decidi mantê-lo e criar, a partir dele, um conceito (um neologismo, talvez) para referenciar as minhas postagens que retratassem símbolos retirados da cultura local, do imaginário da vida cotidiana, do cenário urbano dessa cosmopolita e provinciana Belém. Não tem pretensões de obra de arte, como a Pop Art.
Créditos: Fotos do autor

11 comentários:

lucidreira disse...

É em Belém são as mangas e em Esteio no RS. são os limoeiros e goiabeiras fiquei impressionado com aquilo lá.
Parabéns pela postagem. Estou passando o link dela para amigos internautas lerem.
Abraço

Marcelo Carvalho disse...

Olá Franz,

Tudo bem em comprar as mangas apanhadas pelos personagens das fotos, mas o legal mesmo é pegar a manga no momento em que ela cai, limpar na própria roupa e seguir caminho comendo a fruta.

Isto é um costume tipicamente de Belém. Uma vez, em Brasília, avistei várias mangueiras, mas ninguém recolhia os frutos caídos, eles ficavam no chão até apodrecer ou serem recolhidos pelo serviço de limpeza pública, aí pensei com minha cabeça belemense: que desperdício!

Um abraço,

Marcelo Carvalho

Franz disse...

Oi, amigos Lucideira e Marcelo, muito grato pela visita que sempre me enche de satisfação.
Lu - Pensei que esse negócio de fruta caindo na cabeça da gente só acontecia em Belém...
Marcelo - Já comi muita manga apanhada do chão. O que vc. acha que eu fiz com a danada que me acertou o ombro?

Luiz N.Vieira disse...

Que figura! Mostrar nossas ao mundo oq temos que contar! Parabéns pela "SUA RUA"!
Aproveito para pedir sua permissão para divulgar o outro lado da calçada....O BLOG Cultura na Rede está gerando uma tradição de colaboração, com sua proposta de por em diálogo as várias vozes dos professores que falam a língua das mídias e por elas se fazem compreender. Dentro deste espírito também está se tornando tradicional comemorar o dia de aniversário desta iniciativa. Então, pelo 3º ano consecutivo chegou o mês em que as postagens serão sorteadas com um prêmio. Este ano é um livro, essa mídia tão antiga e atual que nos ajuda a crescer e nos dá um descanso das telas, frames, teclados e nos faz viajar gostosamente. Essa iniciativa pretende ser incentivo para as socializações dos projetos de aprendizagem nas escolas continuem a circular neste veículo de informação e formação.
Lembrando que a participação no sorteio será um comentário na postagem “O Buraco no Muro”, Serão válidos os comentários a partir do dia 03/12/2010 até o dia 31/12/2010 às 23h59min.
Abraços Luiz

Niuza Eugênia do Amaral Lima disse...

Graças a Deus Franz que em Belém existe o seguro "anti manga caída" OPÇÂO MARAVILHOSA!!eu morreria se a opção fosse cortar as mangueiras! Ai meu Deus! a minha vontade de ir para Belém só aumentaaaaaaaaa eu adoro essa fruta, consigo até sentir o gosto de uma e o cheiroooooooo
bjin

Niuza Eugênia do Amaral Lima disse...

Ah ! Quero mais cenas de Belém, por favor :-))

Franz disse...

Oi, Niuza - Tenho certeza que gostará de Belém e das frutas que existem aqui. Algumas são únicas, só experimentando pra saber.

Franz disse...

Oi, Luiz Vieira (tb é menino passarinho?- Rssss - deve ser ou não seria educador e blogueiro). Obrigado pela visita, companheiro. Parabéns pela iniciativa. Irei dar uma passada pelo outro lado da Rua e deixar um comentário.

Luiz N. Vieira disse...

Oi Franz!
Me dá impressão que esta rua é do tipo daquelas em que as garotadas gostam de brincar..rsssrssrs Olha eu aquí outra vez! Bloogueiro e Educador!
Obrigado pela participação no Cultura na Rede!
Luiz

Mauro Torres disse...

Franz,
A procissão noturna é chamada de trasladação.

Franz disse...

Mauro Torres, obrigado pela correção. Passou sem querer. Ainda bem que tenho leitores atentos.

No TOP BLOG 2011 ficamos entre os 100 melhores da categoria. Pode ser pouco para uns, mas para mim é motivo de orgulho e satisfação.
Sou muito grato a todos que passaram por essa rua que é meu blog e deram seu voto. Cord ad Cord Loquir Tum