quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Professor brasileiro: esse alquimista e herói!

Postagem integrante da Blogagem Coletiva Professores do Brasil proposta pelo Blog Ponderantes.
NOTA: Programei-a para ser publicada logo na primeira meia hora do dia. Como não foi, publico agora.
.........................

Acho que quando eu nasci, um anjo torto, desses que vivem nas sombras deve ter dito: Vai Franz, ser professor na vida... Ou foi um anjo safado, um chato dum querubim que decretou que eu tava predestinado a ser professor?

Só pode ser, pois nunca pensei em ser professor. Queria ser engenheiro, arquiteto, químico,cientista maluco, arqueólogo, piloto de disco voador... Mas professor?? Qual!

Já fui vendedor (de fogos de artifício, de livros, de seguros, de agência de viagens, de assinaturas de revista), balconista, cardexista, auxiliar de escritório, técnico de controle de qualidade na Firestone, pesquisador, desenhista (publiquei alguns cartuns no Pasquim por volta de 1975-, ilustrei alguns artigos em revistas e jornais em Nova Iguaçu-RJ, ilustrei alguns livros). Já fui técnico em química, carregador, guia de cego.... Mas professor?? Qual!

Até que um dia me descobri no ponto médio entre um quadro negro e um bando de alunos... e com um pedaço de giz nas mãos. Isso a 30 anos! Nunca mais larguei o giz.

Dia 15 de outubro é consagrado à essa profissão que não escolhi, ela é que me escolheu: nasci nesse dia! Essasagrada profissão de professor. Sagrada não por ser um trabalho árduo, ou pelo esforço exigido e desprendido, ou pelas dificuldades enfrentadas, ou ... Isso tudo muitas outras profissões apresentam, algumas até em maior grau. Mas, por que então ela é sagrada? Porque ser professor é como ser a bengala para o cego e o cajado para o pastor.;

O professor é um alquimista que busca, incessantemente, transmutar o chumbo da ignorância no luminoso ouro do conhecimento, e o toque de sua sabedoria pode dissolver a mais dura das substâncias. No ano passado fiz uma postagem com um acróstico que homenageava o professor, esse alquimista (Leia AQUI).

O professor é um pastor que conhece os melhores pastos e os mais seguros caminhos por onde suas ovelhas podem atingí-los e saciar-se. É um lavrador que ara o solo bruto com palavras. É um explorador de regiões ignotas, para as quais leva progresso, evolução. É um herói dos tempos modernos.

Um herói não é apenas o sujeito que faz coisas extraordinárias,  que se arisca em atos de extrema coragem e bravura. Herói não é o mais forte, nem o mais inteligente, o mais rico, o mais bonito ou valoroso. Herói é aquele que , apesar de todas as dificuldades persiste naquilo que acredita, naquilo que acha certo.

Como professor consegui tudo que queria, me realizei. Por isso, neste 15 de outubro, agradeço ao Criador por me fazer professor, e congratulo todos meus colegas de giz, quadro e truz.

Postagens Relacionadas
Professor brasileiro, esse alquimista

14 comentários:

Marli disse...

Parabéns, Franz! Acho que comigo foi parecido. Também fui escolhida para ser professora.Grande abraço!

Marcos Vinicius de Moraes disse...

Oi, Franz, tudo bem?
Após a leitura do seu texto em homenagem ao nosso dia (sou também professor)que, aliás, deveríamos ser valorizados todos os dias, da mesma forma deveria ocorrer com o dia das mães, dos pais e dos profissionais de saúde que, graças a nós, eles não teriam chegado às universidades, muito menos ao recebimento do diploma.

Nós que valorizamos o esforço do magistério, lutando incansavelmente por melhores condições para resgatar o reconhecimento merecido por direito, somos os verdadeiros heróis.

Parabéns pelo dia de hoje.

Sonia Regly disse...

Professor, realmente o professor precisa de valorização,JÁ!!!
Vim lhe convidar para conhecer o Compartilhando as Letras:

www.compartilhandoasletras.com

Franz disse...

Oi, Marli.
Parabéns pelo dia, e obrigado pela visita e pelo comentário.
Receba meu fraterno e paraônico abraço

Franz disse...

Pois é Marcos Vinicius, persistir naquilo em que acredita, apesar de todas as adversidades, é exatamente isso que faz um herói.
Obrigado pela visita e parabéns pelo dia do professor.

Franz disse...

Oi, Sonia. Irei retribuir sua visita, sim. Obrigado.

Haydeê Okada disse...

Ei tio Franz, parabéns atrasado e em dobro, pelo teu aniversário e pelo professor maravilhoso que és... afinal como teu texto já diz, ser professor é ser herói, e nós bem sabemos o porque, cada um de acordo com sua realidade.

saudades
bjs

Tati Martins disse...

Franz,
Você sempre com palavras tão lindas e tão fortes.
Belíssimo testemunho.
Beijinhos.

Amara disse...

Franz,

Além de professor, você é um poeta.

Acredito que aconteceu o mesmo com todos nós - fomos escolhidos.

Parabéns por ser professor.

Franz disse...

Oi Tati. Muito obrigado pela visita. Uma mulher desdobravel é muito tem muito amis poesia que umhomem comoum.

Franz disse...

Amara, obrigado pela visita e por suas palavras. Não pensei em fazer poesia, mas obrigado por me mostrar isso. Valeu!
Franz

Florzinha disse...

Hoje meu blog completa um ano, dedico este parabolos a você que me apresentou este universo!Ave amigo blogueiro!!

Roseli disse...

Parabéns Franz! Mesmo em atraso pois estou lendo todas as postagens dessa blogagem e não são poucas. Muito bom seu texto. Me identifiquei pois apesar de não ser professora, sempre convivi nesse universo escolar. E a minha profissão (biblioteconomia) também me escolheu. Pensei em ser arquiteta, design de interiores mas nunca bibliotecária. No entanto, o acaso me fez apaixonar por essa profissão. Parabéns mais uma vez.
Abraço

Franz disse...

Roseli, é como sempre digo: "nada acontece por acaso", e como ninguém foge as suas tendências cá estamos nós, seguindo o que o Criador nos reservou.
Boa leitura e obrigado pela visita.
Franz

No TOP BLOG 2011 ficamos entre os 100 melhores da categoria. Pode ser pouco para uns, mas para mim é motivo de orgulho e satisfação.
Sou muito grato a todos que passaram por essa rua que é meu blog e deram seu voto. Cord ad Cord Loquir Tum