segunda-feira, 8 de junho de 2009

Blog são como tartaruguinhas ou preguiças?

gsFaz pouco tempo (dia 2/06), aqui mesmo nesse blog, eu indagava por que cerca de 1/3 dos blogs de escolas públicas estaduais que ajudamos a criar em nossas oficinas aqui no NTE-Belém, parmaneciam tanto tempo parados, alguns até com mais de ano sem postagens. Alguns comentários recebidos já apontavam para as respostas sabidas e esperadas: dificuldade dos professores de Sala de Informática (SI)para, SOZINHOS, manterem o blog atualizado; falta de tempo; desinteresse dos demais professores e técnicos em colaborar e problemas diversos (falta de Internet na escola; Sala de Informática sem lotação, ou fechada/em reforma, por exemplo).

Essas respostas explicavam mas não me satisfaziam, até que ontem li, no blog do CTAE, uma postagem do dia 07 passado que pretendia responder a minha indagação: "Blogs são semelhante as tartaruguinhas que após 45 a 60 dias da desova nascem aos milhares nas praias. (...) De cada mil filhotes apenas um ou dois irão chegar à idade adulta.."

Essa me parece uma boa explicação, excessivamente poética talvez, mas que responde de forma clara e definitiva a questão de porque tantos blogs das escolas ficam praticamente abandonados depois de criados: são blogs tartarugas (ou blogtarugas?), pois "nascem aos milhares, mas apenas poucos chegam a fase de maturidade".

Mas, e aqueles blog que conseguem 'sobreviver' e que levam meses para atualizar suas postagens? Esses eu já classifico de "Blogs Bissestos", mas nesse espírito ecológico, me permito criar uma nova analogia: são como os bicho-preguiça.

A preguiça tem esse nome por "causa do metabolismo muito lento do seu organismo". Na reprodução dá apenas uma cria. dorme cerca de 14 horas por dia e defeca a cada sete dias.(Wikipédia)


Créditos das fotos:
Tartaruguinhas: http://sosanimaisetc.blogspot.com Preguiça: http://niilismo.net

10 comentários:

Blog da Klarinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Blog da Klarinha disse...

Risos...
Gostei dessa explicação para os blogs que demoram serem atualizados.
Me vi no bicho preguiça e acrescento falta de tempo, com excessos de atividades.
Risos...Mas adorei o texto.
Abraço!

Rocio Rodi disse...

Franz,
Gostei dessa alegoria... Boa sacada biologicamente inspirada na natureza irmã - para explicar essa natureza humana. Rs!
Na Escola Bosque depois de uma boa chuva tempestuosa, quem saiba a equipe da SI revigore-se, como a mais viçosa das plantas daquele lugar fantástico onde as crianças vivem dia-a-dia o paraíso verde, a beleza lacunar à beira poética do refeitório, adoram estar no bosquinho encantado onde tudo começou há mais de dezesseis anos... Ou ir ao cantinho da horta, onde fazem brotar o esforço do seu trabalho. O Blog de lá deve ser diferente, se por lá há a Pedagogia de Projetos, quero ver nascer o projeto da SI que é muito estimulada por vocês no Nied e por mim, que estou na função de coordenadora. Igual ao trabalho no curso de Pedagogia, a gente torce muito, mas, evita tomar à frente para não sofrer o estigma do que "vem de cima p'ra baixo". Todo o material e estímulo enviei via e-mail. Esperemos!!!
Abraços tartaruguianos e blogarianos da Pedagogia!
Maria do Rocio

maris disse...

Fantástica sua comparação....
É isso mesmo que acontece.
Adorei o texto
bjus mineiros
Maristela

Tati Martins disse...

Franz!
Amei o texto.
Blogtarugas! Que tal Bloguicho Preguiça? (risos)
Um beijinho,
Tati

Franz disse...

Klarinha, Rocio, Maristela e Tati, muito obrigado pela visita e comentarios.
A cada dia mais aprendo sobre blogs, mais me encantam suas possibilidades e potencialidades, e mais me descubro, tb, neles.

Ah! Bloguicho preguiça??!! HAhahahaa!... Muito bom, Tati!

fabiopires disse...

Um dos maiores problemas da vida não é planejá-la ou visualizar seus projetos tornarem-se bem-sucedidos, mas colocá-los em prática.É a mesma coisa que acontece com os blogs: se nos esquecemos deles tornam-se obsoletos em informação e se não divulgamos de forma merecida, apagam-se de nossas vidas.Aplico a mesma teoria aos 'blogs irmãos': afinal de contas são de comentários que eles sobrevivem.Abraços à todos desse ótimo blog...

Conceição EJA disse...

Oi Franz
Eu queria ir lá no blog citado por você, mas o link não entrou. Eu amei as tartarugas e as preguiças blogueiras! Digamos que eu seja uma das sobreviventes, as condições favoráveis permitiram...

Andréa Motta disse...

Franz, vi seu recado no blog. O template é da Juliana Sardinha (http://dicasblogger.blogspot ). Entre na página "templates" onde poderá encontrar todos os que ela já fez; o meu é o Blogger Writer, que estou usando nos meus dois blogs, apenas com cores e organização um pouco diferente nos elementos de página. Um abraço!

LÉA PARAENSE SERRA disse...

Hoje ao fim da tarde vi uma preguiça (acho que é a mesma de sempre) pendurada numa das árvores do Jardim Botânico Rodrigues Alves, esquina da 25 de setembro e... risos... Lembrei-me da leitura sobre os blogs que não são alimentados. Parabéns pelo texto! Bem "sutil". Ah... eu sempre leio suas mensagens nos Blogs Educativos. Abraço!

No TOP BLOG 2011 ficamos entre os 100 melhores da categoria. Pode ser pouco para uns, mas para mim é motivo de orgulho e satisfação.
Sou muito grato a todos que passaram por essa rua que é meu blog e deram seu voto. Cord ad Cord Loquir Tum