sábado, 21 de abril de 2012

Fi-lo porque qui-lo

Como começar??? Vou começar de qualquer forma, jeito ou maneira... E você, leia se quiser.


Prometi, no início deste ano (veja-se postagem), que não permitiria que esse blog ficasse desatualizado por mais de uma semana, pois devo aos meus poucos leitores alguma novidade ou pelo menos uma satisfação para vir passear por essa rua (Ah, mas alerto! Não mantenha o blog pelo número de leitores, mas pela necessidade de dizer).


O fato é que um blog pessoal, e/ou de variedades, como é esse (ainda que o foco temático seja a Educação), não deve permanecer muito tempo sem novidades. Faz quase 20 dias que não escrevo um linha nesse meu espelho. Para mim é um bocado de tempo para um blog. Não pense que estou preocupado que tu e meus poucos leitores possam perder o interessem (e perdem mesmo, viu!) em visitá-lo. Para mim o que é pior é quando o próprio autor (eu, no caso)do blog perde o interesse em atualizá-lo. Isso é grave!!! Perder o interesse em escrever é gravíssimo.


Mas,- fato - estou tendo dificuldades para cumprir a promessa de fim de ano. Não é porque não tenho o que escrever (a gente sempre tem algo para dizer, não é?). Eu poderia, p. ex., fazer um post sobre o acidente ridículo que sofri dia 02/04 e da pequena cirurgia para colocação de uma placa no tornozelo esquerdo (veja, abaixo, a "centopéia" que ficou), no dia 17 passado. Mas que interesse isso teria para ti? Bah! 
Ah! Poderia falar dos livros que ganhei, visto que passarei um bom tempo em recuperação, como o último livro de Umberto Eco, "O Cemitério de Praga", que ganhei de Leca - minha esposa - e já iniciei a leitura; ou do livro do Boni, que ganhei de Madaya - minha primogênita -, o qual sequer abri; ou do livro "Clarice na Cabeceira", de Clarice Lispectoruma coletânea de crônicas (a maioria minhas conhecidas) cuja leitura estou encerrando.


Isso sem falar do projeto de criação de uma Ecovila (Ecovila IANDÊ), a primeira do Pará (que iniciamos há 1 ano), das atividades educativas na Sala de Informática da Escola de Aplicação da UFPA, de... Como podes perceber, assunto é o que não falta para quem quer ter um blog atualizado. 


Então, que diabos! porque este blog está sem postagens há mais de 15 dias? (a pergunta não lhe é dirigida, amigo leitor, e em verdade nem esse post - mas a mim mesmo). Ainda não sei o que responder. Há mais de 4 anos mantenho esse blog como um exercício pessoal, compromisso de mim para comigo. Talvez eu não tenha mais nada de interessante para colocar-me aqui. Crise existencial de blogueiro? Sei lá! Vou me observar... Estou preocupado


* Fi-lo porque qui-lo é uma frase supostamente atribuída ao ex-presidente Jânio Quadros, e nem sei direito porque coloquei como título deste post.

7 comentários:

Niuza Eugênia do Amaral Lima disse...

Puxa Franz!! que susto hem! Boa recuperação aí...
Abraços
Niuza

Roseli Venancio Pedroso disse...

Franz em primeiro ligar desejo uma franca recuperação. Em segundo lugar, entendo bem essa sua crise pois ando passando por algo idêntico com meu blog de educação e leitura. Também tenho ficado com meu foco direcionado em outras coisas. Como fiz uma pós em criação literária, ando demais envolvida com projetos literários e daí, meu descuido com o pobre do blog. Até cheguei a pensar em encerrá-lo pois achei que não tinha mais nada a dizer.Mas fala sério: quem tem coragem de matar seu próprio filho? Por isso estou dando um tempo e, de quando em quando, apareço e posto algo relevante. Curta esse período com essas ótimas leituras, descanse, renove suas baterias e depois volte na boa, sem pressa ou cobranças.
Abraço,

PS: Ah! Aproveita pra conhecer o blog literário que participo com o grupo da pós
http://coletivoclaraboia.wordpress.com/

Franz disse...

Oi, Niuza e Roseli, muito obrigado por suas visitas, meninas. Para mim o blog, mais que cria, é um excerto, por isso é difícil abandoná-lo.
Roseli, visitei e li o alguns contos no Coletivo. Parabéns.
Abraços dessa Belém 'chuvarenta'.

Alexandre R Soares disse...

Franz, é um prazer passear por tua rua.
Quando a visito, imagino-me em Belém. É um desejo pessoal visitar Belém um dia. Tenho uma amiga aqui na minha cidade que é daí. Foi por meio dela que conheci cupuaçu.
Quem disse que a rua precisa estar atualizadíssima? Por aqui a prefeitura nem tem mandado capinar, rs, rs.
Enquanto te recuperas com boas leituras, uma dica: o Prezi tem uma conta educacional especial. Talvez recebas um convite deles para testá-la. "É de grátis".
Outra coisinha é que o Prezi pode ser melhor que o Powerpoint, mas se bem usado. Ano passado assisti uma apresentação Prezi que deixou a plateia tonta com imagens e textos fazendo giros de 180º. As firulas confundiram mais do que ajudaram.

Franz disse...

Alexandre, obrigado pela visita prazerosa e pela dica sobre o Prezi
Como eu faço para ter esse Prezi educacional?
Bicho, venha conhecer Belém, de preferência durante o Círio, na 2ª semana de outubro. Serei teu cicerone.
Abraços
Franz

Alexandre R Soares disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Alexandre R Soares disse...

Oi, Franz
Para saber mais sobre o Prezi Educacional, visite
http://edu.prezi.com/
Se tiveres tempo, aproveita para assistir a apresentação inicial, e dedicar uns instantes para o vídeo de Daniel Gallinchan embutido nela.
Ele faz uso do Prezi sem dar dor de cabeça numa apresentação muito bem humorada.

No TOP BLOG 2011 ficamos entre os 100 melhores da categoria. Pode ser pouco para uns, mas para mim é motivo de orgulho e satisfação.
Sou muito grato a todos que passaram por essa rua que é meu blog e deram seu voto. Cord ad Cord Loquir Tum