segunda-feira, 30 de março de 2009

Glossário de Bloguês

Durante as oficinas de criação de Blogs me deparei com a necessidade de esclarecer alguns termos de uso cotidiano entre blogueiros, dai surgiu a idéia de elaborar um glossário. Assim, compilei alguns termos pela Web e montei a lista que se segue. Este glossário inseri na apostila que estamos usando nas oficinas atualmente. Espero que seja útil para outros iniciantes.

GLOSSÁRIO DO BLOGUẼS

Adsense - Programa de exibição de anúncios que geram renda quando clicados. É muito popular e está presente na maioria dos blogs.
Banner - espaço publicitário inserido no blog
Blogger – palavra criada pela Pyra Labs, é um serviço que oferece ferramentas para indivíduos publicarem textos na Internet.
Blogueiro– autor do blog.
Blogroll – lista de links para outros blogs ou sites disposta na lateral do blog.
Blogsofera - Entende-se por Blogosfera toda a comunidade de blogs na internet. O conjunto de quem faz, de quem disponibiliza e de quem lê Blogs é a Blogosfera.
Comentários – ferramenta que possibilita aos visitantes deixarem comentários sobre o que o autor escreveu.
Del.icio.us (Social Bookmarks) – serviço que disponibiliza uma lista on-line de links escolhidos comentados pelos usuários cadastrados.
FEED (Site Feed) – link para um endereço da internet (URL), que apresenta a página em formato RSS. Sites com esta opção podem ser lidos por aplicativos instalados no computador do usuário que, conectado à internet, recebe a notificação de que houve alguma atualização nos sites de seu interesse. O link também pode estar identificado como RSS, XML ou ATOM.
Flog ou Fotolog – tipo de blog no qual o elemento principal é a fotografia.
Gadget - chama-se também de gadget algum pequeno software, pequeno módulo, ferramenta ou serviço que pode ser agregado a um ambiente maior.
HTML – abreviatura de Hypertext Markup Language. Linguagem de programação de páginas na WEB.
Licença Creative Commons – É uma organização sem fins lucrativos que oferece um sistema flexivel de licenças que permite aos autores definir como como desejam distribuir e compartilhar suas obras na Internet.
Meme - é para a memória o análogo do gene na genética, a sua unidade mínima. É considerado como uma unidade de informação que se multiplica entre locais onde a informação é armazenada. O termo usado pelos blogueiros para definir quando um autor tem seu texto copiado e continuado em outros blogs. Geralmente, os blogueiros usam memes para aprofundar um tema ou simplesmente aumentar o acesso a seus sites.
Metablog – ato de publicar posts sobre blogs.
Moblog (Mobile blog) – blog ou área de um blog onde são publicados pequenos textos, sons ou imagens através do celular.
Paraquedista - Aquele que chega ao blog via buscadores, principalmente o Google. Os paraquedistas entram e saem das páginas rapidamente, clicando em links que venham a se assemelhar à sua busca inicial.
Permalink (Permanent Link) – link de acesso direto a um texto. Evita a necessidade da busca entre diversos arquivos.
Pingback - uma funcionalidade usada para notificar um blog ou website de que foi linkado por outro blog.
Plungins ou Plug-in - são mini-programas que adicionam funções a outros softwares ou serviços online.
Podcast – arquivos de áudio, geralmente MP3, criados por amadores ou profissionais para download e normalmente distribuídos via RSS.
Post – nome dado a cada publicação de texto ou imagem feita pelo autor, com título, data, hora etc.
RSS (Really Simple Syndication) – formato de página que pode ser lido por programas especiais (agregadores) a fim de identificar atualizações em sites cadastrados.
SEO - É uma técnica utilizada para posicionar sites e blogues nos primeiros resultados das pesquisas por termos nos buscadores.
Tagboard: mural onde os visitantes podem deixar recados e comentário.
Template - É o modelo, o layout do blog. Um template (ou "modelo de documento") é um documento sem conteúdo, com apenas a apresentação visual (apenas cabeçalhos por exemplo) e instruções sobre onde e qual tipo de conteúdo deve entrar a cada parcela da apresentação - por exemplo conteúdos que podem aparecer no início e conteúdos que só podem aparecer no final.
URL - abreviatura de Uniform Resource Locator, ou seja, o endereço de uma página na WEB
Widget - São os brinquedinhos dos blogueiros. Coisinhas que a gente coloca na barra lateral. Esse é um termo sem tradução que designa componentes de interface gráfica com o usuário (GUI). Qualquer item de uma interface gráfica é chamada de widget, por exemplo: janelas, botões, menus e itens de menus, ícones, barras de rolagem, etc.
WordPress - é o software para blogar mais popular da Internet. Foi criado pela companhia WordPress. Essa companhia de software pertence ao Yahoo. Tem mais funcionalidades do que o blogger e o número de templates e de plugins é muito maior, contudo o Blogger é mais prático e mais fácil de usar.

*Ilustração obtida em http://www.antispam.br/images/ilust-glossario.png

quarta-feira, 25 de março de 2009

A MORTE É O FIM DO NOVELO?

Madaya, minha filha, me enviou um e-mail hoje, dizendo de seu estado de espírito por causa da morte de uma amiga. Tentando consolá-la, enviei-lhe uma mensagem com minhas reflexões sobre a Morte e a Vida. O texto abaixo é essa mensagem, com pequenas correções, para se ajustar a este post. Pode ser que não sirva a mais ninguém, posto que sua finalidade já se cumpriu. Mas pode ser, também, que acabe ajudando mais alguém a compreender e aceitar a morte de uma pessoa querida. Pelo sim, pelo não, abro meu coração...

.......................................
Hi, Princess. Lamento por sua amiga.

Nos, os ocidentais, acreditamos que a morte é o fim da vida, mas isso não é verdade. Na natureza só existe Vida. Imagine um mar imenso cercado por uma praia tb. imensa. Quando uma criatura sai da praia ela entra no mar e vice-versa. Mas, para viver num ambiente diferente (o mar ou a terra) a criatura precisa adotar uma nova vestimenta, uma nova forma. Nascimento e morte marcam o instante em que ela passa de um para outro. O Kardecismo diz que "o homem dorme no mineral, acorda no vegetal e movimenta-se no animal".

O universo em que vivemos foi criado, formado e mantido pela Lei da Polaridade. Tudo nele é resultado das vibrações que se manifestam entre dois pólos. Tudo vibra. Eis porque está escrito: E Deus disse! (dizer é produzir vibração, como o sagrado pranava OM).

O que determina a personalidade das coisas é sua frequência de vibração. A matéria é formada por agrupamento de partículas em constante estado vibratório. As partículas (elétrons, prótons e neutros) , que compões tudo no Universo, estão presentes tanto numa pedra quanto na madeira, no aço, na água e nos seres humanos. Mas, se todas as coisas são formadas pelos mesmos elementos, o que as faz tão diferentes? Para uns, existe uma espécie de "inteligência" que mantém essas partículas numa determinada "ordem" ou estrutura, o que confere as características de cada material ou substância. Essa "partícula" inteligente presente em cada coisa que existe pode ser chamada de Deus.

Então, tudo é energia. Tudo vive, sob diversas formas. Tudo vibra neste mundo. Cor, luz, som são vibrações. Uma coisa nos é visível porque a luz, ao incidir nela, produz alterações, perturbações. E enxergamos essas perturbações como formas e cores. Se a luz incidente num objeto não se perturbar, nem retornar aos nossos olhos, ele se torna invisível (já existem pesquisas científicas desenvolvendo materiais que tornarão as coisas invisíveis, sabia?). As interações entre as coisas acontecem por causa de seus campos vibratórios (já ouvistes dizer que os semelhantes se atraem, não é?). Assim, a morte é apenas o momento em que a criatura troca de forma, de sistema, de meio ambiente. Isso acontece quando o corpo físico, habitat da partícula divina, passa a vibrar noutra frequência.

Talvez seja demasiado científica e mistica essa concepção, mas é assim que as coisas são. Ao contrário de considerar isso uma forma fria e sem sentimentos de encarar a morte de alguém, penso que deve ser vista como a mais bela maneira de homenagear o ente que já não está mais visível neste mundo. Qualquer outra forma que o homem crio para manter a memória de quam partiu é válida, sem dúvida, mas é perpetuar o sofrer pela saudade. Por isso o positivismo de Augusto Comte dizia que "os mortos governam os vivos".

Na verdade, choramos não porque uma pessoa morreu, mas porque sentimos a falta do efeito da vibração que sua presença nos causava. Entrar em desespero, chorar sobre o túmulo, lamentar a vida ou maldizer o Criador pelo falecimento de um ente querido é pura ignorância da compreensão que morte e vida são a mesma coisas. O que entristece o homem é que ele é o único animal que sabe que vai morrer.

Beijos do Velho, que quando morrer quer que seus filhos compreendam que ele não está morto, mas apenas vivendo sob outra forma.

* O título é uma frase da música "Desenredo" de Dori Caymmi e Paulo César Pinheiro. "A morte tece seu fio, de vida feita ao averso....(...)... A vida é o fio do tempo, a morte é o fim do novelo..." A imagem foi obtida no endereço www.overmundo.com.br/overblog/a-morte

domingo, 22 de março de 2009

Bloqueio de Blogs nas Escolas

Como sabemos, a Internet é um manancial fecundo e praticamente infinito de informações, e representa um enorme avanço na socialização da produção cultural e cietífica da sociedade mundializada e na democraticação do acesso a esses conteúdos.
Contudo, se por um lado a Web nos oferece o livre acesso à produção intelectual de pesquisadores e acadêmicos nos quatro cantos do mundo, também nos deixa a mercê de informações falsas e toda sorte de riscos advindo de pessoas inescrupulosas e seus programas nocivos, como os virus de computador.
Dessa forma, há necessidade de agir com segurança para navegar e pesquisar na rede mundial de computadores. Eis porque em muitas escolas os firewalls, programas de defesa da rede, bloqueiam os acessos a determinados endereços a partir de palavras-chaves, como por exemplo, "sexo". Temos exemplos desses, aqui em Belém.
Evidentemente que esses cuidados são necessários e compreensíveis para impedir, por exemplo, que os alunos tenham acesso a sites de conteúdo pornográfico ou fiquem em comunidades virtuais, contribuindo para contaminar as máquinas da escola e espalhar virus pela Web. Contudo, o programa firewall não faz diferença entre um site seguro e um inadequado. Se, p.ex., o estudante estiver realizando uma pesquisa sobre DST ou similar, e digitar "Sexo seguro", sua pesquisa poderá não apresentar o resultado desejado.
De igual modo são bloqueados o acesso ao Orkut, MSN e Blogs. Porém, nos que trabalhamos com blogs numa perspectiva pedagógica necessitamos de um tratamento diferenciado. De certo que há blogs de conteúdo duvidoso, blogs eróticos e mesmo pornográficos, e devemos proteger as crianças desses lixos digitais, mas também devemos protegê-las do lixo televisivo, das capas de revistas pornôs nas bancas de jornais e, principalmente, da exposição capas de DVD piratas com cenas de sexo explícito. Esses DVD pornográficos são espalhados pelas calçadas e vendidos por todos os cantos da cidade, inclusive próximo a colégios.
Mas, em se tratando de blogs, não podemos generalizar e tirar todos por uns. Assim, concordamos com a Campanha “Diga não ao bloqueio de blogs”, capitaneada pelo "Informação Virtual", de onde retiramos o texto a seguir:
.......
Ponto de vista dos profissionais de TI e empresários
A função dos blogs é disponibilizar downloads de programas e filmes piratas que geralmente trazem junto com eles algum vírus ou código malicioso que infecta a rede corporativa. Por segurança tudo é bloqueado.

Ponto de vista dos blogueiros sérios
Nossos blogs não podem ser bloqueados e discriminados pagando pelos erros de pessoas sem escrúpulos que mancham a reputação de blogs de qualidade e conteúdo relevante.

O bloqueio por url é uma realidade
Uma rápida busca no Google e você encontrará vários scripts ensinando como bloquear páginas da web pela url. Em alguns fóruns você verá perguntas formuladas por profissionais querendo descobrir como bloquear o blogger pela url. Mas não para por ai, wordpress, blogspot, blog, e isso é uma pena, pois existem blogs de muita qualidade que são bloqueados por esses scripts de firewall.

Veja um link que comprova que há busca por esse tipo de script na web:
Como liberar apenas um blog no blogger
Campanha “Diga não ao bloqueio de blogs”

Por esse motivo o GF Soluções e o Informação Virtual se uniram para criar a campanha “Diga não ao bloqueio de blogs”, que tem dois objetivos principais:
Conscientizar os blogueiros de que empresas, bibliotecas, faculdades e escolas bloqueiam blogs com palavras específicas na url como blogger, blogspot, blog, wordpress entre outros, sem levar em conta o conteúdo desses blogs. Conscientizar os administradores de rede de empresas, bibliotecas, faculdades e escolas que nossos blogs possuem conteúdo relevante para seu colaboradores e estudantes.

Como participar
Escreva um post divulgando a campanha, coloque os banners da campanha em seu blog, orkut, myspace, facebook e envie essa notícia para seus amigos que trabalham em empresas ou estudam e frequentam escolas, faculdades e bibliotecas que bloqueiam nosso conteúdo. Vamos conscientizar os administradores de rede de que possuímos conteúdo relevante para seus colaboradores e estudantes.
Link para este post:

segunda-feira, 16 de março de 2009

Apenas um pouco de humor

Essa postagem traz uma piada relativamente velha, que apresenta como os veículos de comunicação de massa divulgam as notícias segundo seus interesses, nem sempre insentos e fiéis a verdade dos fatos. Até parece falta do que postar, mas na minha opinião, ao contrário do texto jornalístico uma charge sempre fala a verdade, de forma direta e objetiva.
A piada, a charge ou cartoom, é a arte de gozar com uma dada situação, ou com determinada pessoa, em busca de provocar uma reação ou desencadear reflexões no leitor ou ouvinte.
Como sabemos, o humor sempre foi um recurso muito inteligente de crítica social, de denúncia ou de censura. Seu emprego é milenar, seja como sátira, como ironia, paródia, charge ou piada. A crítica condensada, por exemplo, numa piada, numa charge ou cartoon descreve a realidade em termos aparentemente engraçados, mas pode ser ácida, corrosiva, destruidora.
..........
Como seria a história da Chapeuzinho Vermelho nas manchetes das principais revistas e jornais do Brasil hoje...

Jornal Nacional
Willian Bonner: "Boa noite. Uma menina de 7 anos foi devorada por um lobo na noite de ontem".
Fátima Bernardes: "... mas graças à atuação de um caçador não houve uma tragédia".

FANTÁSTICO
Glória Maria: "... que gracinha, gente, vocês não vão acreditar, mas essa menina linda aqui foi retirada viva da barriga de um lobo, não é mesmo...?"

BRASIL URGENTE
José Luis Datena: "... onde é que a gente vai parar, cadê as autoridades? Cadê as autoridades?! A menina ia para a casa da avózinha a pé e sozinha! Não tem transporte público ? Não tem segurança! Onde estava o secretário de segurança e os engenheiros da CET ? E foi devorada viva..... Sim VIVA!!! Um lobo, um lobo safado, calhorda. Põe na tela ESSE ANIMAL!! Porque eu falo mesmo, não tenho medo de lobo mau. Daqui a pouco eu volto nesse caso. "

PROGRAMA EVANGÉLICO
(Pastor) "Agora meu irmãos vamos todos juntos levantar as mãos e dizer: SAI CHAPEUZINHO VERMELHO, SAI DESSE CORPO QUE NÃO TE PERTENCE..."

CASSETA & PLANETA
Helio De La Peña: "Estamos aqui na floresta encantada, onde o Lenhador Gaúcho Fulano Casseta de Tal matou o lobo e salvou a chapeuzinho ....
- E aí seu lenhador, foi difícil matar o Lobo? "
Casseta, caracterizado de lenhador: "Sabe como é seu Casseta... Quando eu mostrei o tamanho do meu machado o Lobo ficou na maior fissura, duro foi ter que aguentar o bafo de onça dele, quer dizer de Lobo..."

SUPER POP
Chapeuzinho é convidada para desfilar no programa só de lingerie vermelha.
Luciana Gimenez: " Nossa, que corpo , hein garota? Muita bonita mesmo, até eu no lugar do Lobo não iria deixar escapar essa menina!!"

BIG BROTHER

(Pedro Bial) "Fala meu Lobo, Quem você vai eliminar hoje?"
Lobo: "Hoje eu vou eliminar a Chapeuzinho vermelho, porque ela tá de complô com o Lenhador, que eu acho ao meu ver, que estão ao nível de me eliminar e isso não está fazendo bem para o ambiente da casa"

O APRENDIZ
Roberto Justus: "Chapeuzinho , o que você foi fazer na casa da vóvozinha?"
Chapeuzinho: "Fui levar uns doces para ela."
Justus: "De graça? Mas você não tinha um planejamento para isso? Achou que era o marketing mais correto? Qual seria o retorno? Que tipo de postura teve seu líder? Que providências você tomaria?"

VEJA
"... Fulano de Tal, 23, o lenhador que retirou Chapeuzinho Vermelho da barriga do lobo tem sido considerado um herói na região. "
"O lobo estava dormindo, acho que não foi tão perigoso assim", admite ele.

CLÁUDIA
"Como chegar na casa da vovozinha sem se deixar enganar pelos lobos no caminho."

NOVA
"Dez maneiras de levar um lobo à loucura na cama."

MARIE-CLAIRE
"Na cama com um lobo e minha avó", relato de quem passou por essa experiência."

JORNAL DO BRASIL
"Floresta: Garota é atacada por lobo".
Na matéria, a gente não fica sabendo onde, nem quando, nem mais detalhes.

O GLOBO

"Retirada Viva da Barriga de um Lobo".
Na matéria terá até mapa da região. O salvamento é mais importante que o ataque.

FOLHA DE S. PAULO
Legenda da foto: "Chapeuzinho, à direita, aperta a mão de seu salvador".
Na matéria, teremos um box com um zoólogo explicando os hábitos alimentares dos lobos e um imenso infográfico mostrando como Chapeuzinho foi devorada e depois salva pelo lenhador.

O ESTADO DE S. PAULO
"Lobo que devorou Chapeuzinho seria afiliado ao PT."

JORNAL AGORA
"Sangue e tragédia na casa da vovó."

PLAYBOY
(ensaio fotográfico com Chapeuzinho no mesmo mês do escândalo)
"Veja o que só o lobo viu."

SEXY
(ensaio fotográfico com Chapeuzinho um ano depois do escândalo)
"Essa garota matou a fome do lobo !!!"

CARAS
(ensaio fotográfico idem)
"Na banheira de hidromassagem na cabana da avozinha, em Campos do Jordão, Chapeuzinho vermelho (18) reflete sobre os acontecimentos: 'até ser devorada, eu não dava valor para muitas coisas da vida, hoje sou outra pessoa'- admite.

ISTO É
"Gravações revelam que lobo foi assessor de influente político."

CAPRICHO
"Esse Lobo é um Gato!"

G MAGAZINE
(ensaio fotográfico com lenhador)
"Lenhador mata o lobo e mostra o pau".

sábado, 14 de março de 2009

As Lendas Urbanas de Belém

Volta e meia recebemos pela Web algumas mensagens de alerta que nos fazem temer, até, ficar na suposta segurança do lar. Sim, porque sabemos que sair à rua é risco constante, agora ficar em casa também é. São as famosas "Lendas Urbanas", que pululam pela Internet e, de vez em quando, algum amigo desavisado, porém preocupado com nossa segurança, nos envia cheio de boas intenções.

Em casa, se atender o telefone, você pode ser vítima de algum bandido aplicando o golpe do "sequestro relâmpago", ou de algum marginal se fazendo passar por um funcionário de TV por assinatura, ou ainda, de um membro do Comando Vermelho que quer clonar seu telefone. O fato é que todos esses riscos são reais, e é isso que faz uma lenda urbana ser eficiente.

É o caso de outra lenda famosa, a do cara que morre de leptospirose por ter bebido diretamente numa latinha de cerveja (ou de refrigerante) contaminada por urina de rato. Fora o fato da falta de higiene do sujeito, o resto é pura ficção, mas travestida de verdade pela real possibilidade do fato. Aqui em casa é prática corrente lavar bem as frutas e todas as garrafas ou latinhas de cerveja e refrigerante que vão para a geladeira. Ah, e o ovo de galinha também, embora ainda não tenham descoberto nenhuma bactéria mortal nesse produto!!

E se você decidir espairecer numa boite ou com amigos num barzinho? Bem, aí pode acabar tomando um drink com aquela morena escultural que lhe deu mole (ou aquela loura turbinada)que, disfarçadamente, adicionou um sonífero no copo. E quando você acordar, estará num quarto qualquer, dentro de uma banheira cheia de gelo... e com um rim a menos!!! É brincadeira?!... Essa lenda urbana não é nada nova, seu primeiro relato data de 1994, em Las Vegas. E já correu o mundo via e-mail. Eu mesmo já recebi uns dois ou três deles, e provavelmente você também.

Algo semelhante, mas que não é lenda urbana, é o famoso "Boa Noite, Cinderela". Há poucos anos, em Belém, um amigo que mora num estado vizinho foi vítima desse golpe num bar perto da Rodoviária. Quando despertou descobriu que todo seu dinheiro e pertences haviam sido roubados.

E se você for com a(o) namorada(o) para uma sessão de pipoca no cinema? Ah... Com perdão do trocadilho, aí é que a coisa fica preta! Essa lenda conta que, no escurinho do cinema, alguém senta-se ao seu lado e outro ao lado de seu par, anunciando o assalto. Enquanto um leva com você para o caixa eletrônico e compras no seu cartão de crédito, o outro fica com seu namorado(a) como refém. Depois eles repetem a mesma estratégia com o que ficou.

Hoje recebi mais uma mensagem informando sobre o "assalto" no Moviecom do Belém Shopping. É claro que não repassei, mas decidi fazer esse post pra dizer que prefiro as lendas urbanas, como "A Moça do Taxi", relatadas pelo meu amigo Walcyr Monteiro, em seu "Visagens e assombrações de Belém" e outros.
Ah, essas você não vai receber pela Internet não, vai ter que comprar o livro para saber!

terça-feira, 10 de março de 2009

Gerador de LOGOS

O cabeçalho é uma parte importante do Blog. É nele que está sua Logomarca. Nas oficinas que ministro para os professores criarem blogs de suas escolas e trabalharem com blogs numa perspectiva pedagógica, sempre oriento para realizarem com os alunos um concurso de criação da logomarca do Blog.
Para a criação da logo indico o Kolour Paint, o TuxPaint ou Paint Brush, pois nem todos sabem usar o GIMP, o PSP ou o Corel. Mas, fuçando na Web, encontrei alguns geradore de Logos, como o Cool Text e o LogoMaker que podem facilitar em muito esse trabalho de criar logomarcas. O exemplo abaixo fiz com o Cool Text, que oferece centenas de fontes, ícones e fundos. Experimentem!
Este Blog é Minha Rua

Image by Cool Text: Logo and Button Generator - Create Your Own

segunda-feira, 9 de março de 2009

CÓDIGO DE MODERNIDADE E SISTEMAS ANTIGOS

Desde 1997 tenho lidado com a formação de professores para uso da Informática na Educação. No início, observei que a maioria dos professores da rede pública estadual em Belém, que utilizavam as Salas de Informática Educativa (ou Laboratórios de Informática, como ainda chamam alguns) de suas escolas para desenvolver atividades com alunos, eram os de Português, de Ciências, de Geografia, de História, de Artes. Contava-se nos dedos de uma mão os professores de Matemática que empregavam a Sala de Informática para trabalhar com seus alunos um conteúdo disciplinar.

Hoje essa realidade, felizmente, é outra. Entretanto, em que pese os esforços dos Núcleos de Tecnologia Educacional-NTE com os cursos de formação continuada, a contribuição da Informática ao processo de ensino-aprendizagem continua proporcionando poucos resultados à educação pública paraense.É sobre isso que discorre minha dissertação de Mestrado. Veja abaixo.
.............
CÓDIGO DE MODERNIDADE E SISTEMAS ANTIGOS: A PROPÓSITO DO USO DA INFORMÁTICA PELOS PROFESSORES DE MATEMÁTICA DA REDE PÚBLICA ESTADUAL EM BELÉM
Orientador :Prof. Dr TADEU OLIVER GONÇALVES
Banca :
Prof. Dr TADEU OLIVER GONÇALVES - UFPA/PPGECM
Prof. Dr. CÍCERO ROBERTO TEIXEIRA RÉGIS - UFPA/NPADC
Prof. Dr. IRAN ABREU MENDES - UFRN/RN
Linha de Pesquisa :Processo de Ensino e Aprendizagem
Área de Concentração :Ed. Matemática
Resumo :
O uso das Tecnologias da Informação e Comunicação – TIC no ambiente escolar, além de permitir o acesso a um universo de informações tão caótico quanto inimaginável, promoveu uma profunda transformação na relação de seus principais atores – professores e alunos - com o conhecimento. Desde o final da década de 1980 que, no Brasil, diversos programas surgiram com a finalidade de prover a educação pública de condições de igualdade com a educação privada, procurando através da inserção nas escolas da rede municipal e estadual de um ambiente tecnológico de aprendizagem com base em rede de computadores conectados a Internet, garantir o ansiado salto de qualidade do ensino público. A proposta desse trabalho é investigar se os professores de Matemática que atuam nas escolas da rede estadual em Belém/PA, que possuem Laboratório de Informática, estabelecem interações com esse ambiente na busca pela melhoria de sua práxis pedagógica, favorecendo a transmissão de informações, a construção de conhecimentos e de conceitos matemáticos.

Palavras-chave: Educação Matemática, Informática, Escola Pública e Formação de professores.

TEXTO INTEGRAL AQUI

domingo, 8 de março de 2009

Inclusão Social - algumas considerações

Esta postagem faz parte da Postagem Coletiva sobre Inclusão Social, de iniciativa do blog Esterança.

Vou começar convidando todos considerarem o seguinte pensamento:"Os donos do capital vão estimular a classe trabalha- dora a comprar bens caros, casas e tecnologia, fazendo-os dever cada vez mais, até que se torne insuportável. O débito não pago levará os bancos à falência, que terão que ser nacionalizados pelo Estado."
Certamente você deve ter percebido que se trata de uma reflexão bem atual, consoante com a crise econômica que abalou a sociedade norte-americana e, por tabela, o mundo capitalista pós-moderno; e crê que foi formulada por algum economista contemporâneo, mas engana-se, ela é de 1867 e foi expressa pelo gênio de Karl Marx, em "O Capital". E ao tratar da acumulação, de mais valia, do mundo do trabalho, Marx já trabalhava sobre a exclusão e inclusão sociais.
Segundo o Wikipédia, a "inclusão social é uma ação que combate a exclusão social geralmente ligada a pessoas de classe social, nível educacional, portadoras de deficiência física, idosas ou minorias raciais entre outras que não têm acesso a várias oportunidades."
Esse conceito me parece meio capenga. Falta-lhe algo mais... consistente. Sob essa forma, Inclusão e Exclusão Social parecem apenas uma natural separação estratigráfica na pirâmide social dessa sociedade consumista. Isso fica claro na continuidade do verbete da enciclopédia digital: "Inclusão Social é oferecer aos mais necessitados oportunidades de participarem da distribuição de renda do País, dentro de um sistema que beneficie a todos e não somente uma camada da sociedade."
Bem, parece certo que o Capitalismo é o gerador desse caos social em que mergulhamos, e que nesse cenário a Inclusão Social se dá por agregação de direitos e poderes obtidos pelos cidadãos que detém o Capital. Por outro lado, algumas políticas públicas e ações paternalistas do Estado tendem a dar a ilusão de que todos têm os mesmos acessos e oportunidades. Mas é na Escola que se prepara os indivíduos para essa competição, e compete com mais chances de vitória aquele que está melhor preparado; mas essa condição é algo que o indivíduo das classes menos favorecidas dificilmente consegue obter.
Porém, tudo que é criado pelo homem encerra em si a semente de sua própria destruição, e enquanto houver o deus Capital o homem será o lobo do homem. Vemos isso hoje, com a crise que afeta países desenvolvidos, em desenvolvimento ou subdesenvolvidos. Não importa se os indivíduos são bilionários, ricos, pobres, remediados ou miseráveis, todos sofrem os efeitos dessa 'tisunami' econômica.
No meu entender, não será a ordem criada pelo homem que fará a inclusão social real e verdadeira, mas o caos. E caminhamos nesse sentido.

sexta-feira, 6 de março de 2009

Não é peito nem bunda que faz uma mulher.

Caro leitor, este blogueiro está sofrendo do mal do esforço repetitivo (LER), e há alguns dias uma tendinite braba, resultado dessa nossa lida cotidiária de cerca de 12h diante do computador, me obriga a teclar apenas o necessário. Mas hoje, de munhequeira e a base de antinflamatório, abro esta postagem para homenagear as mulheres em seu dia.

Há tantas prosas e versos homenageando o belo sexo que acho que já não deve sobrar muita coisa de original a dizer. Mas não posso deixar passar em branco esta data. Qual homem pode? Qual homem não tem uma mulher para recordar e/ou lamentar ter perdido? Qual homem não se dobrou aos encantos ou ao heroísmo de uma mulher?

Numa bela canção em parceria com Narinha, sua mulher, o Tremendão Erasmo Carlos cantava: "Dizem que a mulher é o sexo frágil, mas que mentira absurda!...". Pepeu Gomes dizia que "Ser um homem feminino não fere o meu lado masculino" (dele, de Baby Consuelo e Didi Gomes), numa clara alusão que a dualidade divina se manifesta na natureza humana na forma dos dois sexos, e que devemos cultivar a harmonia dos opostos para ascender no conhecimento e evolução. Talvez poucos tenham percebido e cantado isso de forma tão clara como eles.

Como canta Rita Lee em "Pagu", célebre composição dela e Zélia Ducan, "nem toda brasileira é bunda". Noutras palavras, a mulher não precisa ter peitões siliconados, cinturinha de pilão e um avantajado "dérrière" para que um homem se apaixone por ela. Muito embora as curvas sejam os elementos que conferem suavidade e beleza as coisas e, num certo sentido, a forma arredondada remeta a idéia de fertilidade e gestação, é certo que as formas avantajadas de certas partes da anatomia feminina podem servir como atrativos de fêmea sobre o macho, na dança da perpetuação. A simetria das formas numa mulher pode "encantar" e seduzir o homem, mas será pelo espiritual que a harmonia na união se concretizará, e perdurará.

Nesse Dia Internacional da Mulher gostaria de dizer para aquelas que se submetem ou cultuam a ditadura do corpo, que estão nessa psicose pela forma de violão (ou de melancia, de jaca, de...), que vivem nessa incessante busca pela estética corporal perfeita, capaz de enlouquecer os homens e matar de inveja as amigas, que o que enche os olhos do homem nem sempre lhe enche o coração. E, correndo risco de ser mal interpretado, quero dizer aos homens que não é peito nem bunda que faz uma Mulher.
No TOP BLOG 2011 ficamos entre os 100 melhores da categoria. Pode ser pouco para uns, mas para mim é motivo de orgulho e satisfação.
Sou muito grato a todos que passaram por essa rua que é meu blog e deram seu voto. Cord ad Cord Loquir Tum